Pilates e saúde: porque andam lado a lado?

Pilates e saúde andam de mãos dadas. Saiba porque deve tornar estes exercícios uma rotina na sua vida.

Pilates e saúde: porque andam lado a lado?
Para um corpo mais saudável

Apesar dos seus movimentos de baixo impacto que, a olho nu, parecem ter pouco efeito no seu corpo, na verdade, pilates e saúde andam de mãos dadas.

Hoje em dia, ainda há quem considere que o pilates é básico e monótono, no entanto, qualquer praticante lhe confirmará, como se diz na gíria, que este exercício "não é para meninos".

Há largos anos que atletas de alta competição recorrem a este método para conseguirem um melhor condicionamento físico, nomeadamente, o melhor jogador de futebol do mundo, Cristiano Ronaldo, ou Lebron James, estrela do basquetebol americano.

Estes já sabem que pilates é saúde! Com efeito, porque o pilates trabalha os músculos que sustentam o corpo, e a sua prática regular faz toda a diferença no seu dia a dia, seja ou não um atleta.

Porque deve fazer aulas de pilates?


Nas aulas de pilates, não há desgaste físico. Os exercícios são suaves mas eficazes e adaptados à condição física de cada praticante.

Semana Especial Running Vida Ativa
Descontos incríveis nas melhores marcas para voltar a ficar em forma, sem gastar muito! Aceda aos descontos.
Há uma enorme variedade de exercícios que permitem combinações únicas de acordo com a necessidade de cada um, o que torna cada aula única.

Apesar das poucas repetições de cada movimento, os resultados são rápidos e duradouros, desde que mantenha a prática regular!


5 razões porque pilates é saúde


corpo mais forte


1. Alívio generalizado das dores

Ficaria surpreendido com a quantidade de dores que resultam de patologias da coluna vertebral, como uma dor aguda no fundo das costas, num ombro, um tornozelo preso ou, até, uma dor de cabeça.

Muitas surgem por causa de pequenos desvios, uma consequência da falta de alongamento ou mobilidade dos seus ossos.

A prática regular de pilates corrige e previne tensões e dores crónicas.
 
 


2. Previne a incontinência urinária

O foco do pilates são os músculos do núcleo, nomeadamente, da zona pélvica, que são muito neglicenciados. Ora, se os músculos pélvicos estão flácidos, a uretra vai perder a sua capacidade de reter urina, um problema muito frequente em mulheres no pós-parto e na menopausa.

O pilates não só previne como é um tratamento não invasivo para a incontinência urinária.
 
 


3. Previne doenças ósseas 

Porque o pilates trabalha a musculatura mais profunda, responsável pela sustentação e proteção de ossos e articulações, assim como, o aumento da densidade óssea, é o principal aliado na prevenção de doenças como a osteoporose ou a artrite reumatóide mas também para evitar o avanço da doença.
 
 


4. Um corpo mais forte

O pilates é responsável pelo aumento da resistência física, da flexibilidade, da firmeza e força muscular, corrige a postura e alonga os músculos, promove a mobilidade das articulações e melhora a coordenação motora e o equilíbrio.

O que é isto tudo nos diz? Um corpo forte e bem oleado, é um corpo com mais saúde.
 
 


5. Otimiza os sistemas internos

Se o corpo está ativo, há mobilidade nas articulações, os músculos estão fortes, livres de tensões e flexíveis, não desvios acentuados, tudo flui com mais naturalidade porque não encontra bloqueias.

Assim, o pilates é um aliado do  sistema circulatório, cardiovascular, linfática e promove a eliminação de toxinas. 

► Veja aqui mais benefícios do pilates.

Semana Especial Running - Descontos incríveis nas melhores marcas! Veja tudo aqui.

 

Veja também:

Ler mais