Já falta pouco para o NOS Primavera Sound

De 8 a 10 de junho, todos os caminhos levam ao Parque da Cidade do Porto, para mais um festival NOS Primavera Sound.

Já falta pouco para o NOS Primavera Sound
De 8 a 10 de junho, no Porto

O NOS Primavera Sound chega à invicta já no início do próximo mês, com três dias de música, que fazem do Parque da Cidade um palco do mundo.

Garante quem já foi, que este é um festival diferente, com um ambiente muito especial, potenciado pelo imenso verde do Parque, pelo cheiro a maresia do Atlântico ali tão perto e pelo público multicultural – só em 2016, foram cerca de 80 mil pessoas, de mais de 50 nacionalidades.

Um festival de música único


festival de musica

No coração da cidade, com acesso fácil e rápido, o festival oferece um ambiente relaxado e intimista.


Este é já um evento internacional mas que não esquece as raízes, com algumas das casas mais emblemáticas da cidade a marcar presença, como é o caso dos restaurantes Casa Guedes ou do recente Belos Aires, prendendo os visitantes aos sabores e ao carinho tripeiros.

Um festival cosmopolita mas, ao mesmo tempo, familiar. Não se surpreenda se encontrar muitas famílias, com crianças e bebés, já que este é também um evento pensado para os petizes, com atividades e zonas a pensar nos mais pequenos.

Nas palavras de Rita Torres Baptista, Directora de Marca e Comunicação da NOS, a simbiose entre a música, a natureza e a cidade do Porto é a formula do sucesso deste festival aclamado pela crítica e pelo público.

Um cartaz invulgar


cartaz nos primavera sound

Como habitualmente, o cartaz do NOS Primavera Sound é arrojado mas com o cuidado de satisfazer vários gostos musicais.

Assumindo-se como um espaço de diversidade, pelo anfiteatro natural da cidade vão passar alguns dos grandes nomes internacionais mas, também, artistas emergentes, mantendo a marca do festival de surpreender o público com novas e boas descobertas.

Folk-rock, R&B, blues, ambient, country, synth-pop, pop eletrónico, cumbia, rock and roll, house, jazz, hip hop ou noise são alguns dos estilos que vão marcar presença nos palcos portuenses.

Este ano, as bandas chegam, essencialmente, dos Estados Unidos e do Reino Unido mas também há bom som nacional, do Brasil, do Canadá, de França e da Austrália. Tome nota da programação.

Dia 1 – 8 de junho, quinta-feira

  • Cigarettes After Sex;
  • Flying Lotus;
  • Grandaddy, Justice;
  • Miguel, Rodrigo Leão & Scott Matthew;
  • Run The Jewels;
  • Samuel Úria.

Dia 2 – 9 de junho, sexta-feira

  • Angel Olsen;
  • Bon Iver;
  • Cymbals Eat Guitars;
  • First Breath After Coma;
  • Hamilton Leithauser;
  • Jeremy Jay:
  • Julien Baker;
  • King Gizzard & The Lizard Wizard;
  • Mano Le Tough;
  • Nicolas Jaar;
  • Nikki Lane;
  • Pond;
  • Richie Hawtin;
  • Royal Trux;
  • Skepta;
  • Sleaford Mods;
  • Swans;
  • Teenage Fanclub;
  • Whitney.

Dia 3 – 10 de junho, sábado

  • Against Me!;
  • Aphex Twin;
  • Bicep;
  • The Black Angels;
  • Death Grips;
  • Elza Soares;
  • Evols;
  • The Growlers;
  • Japandroids;
  • Lady Wray;
  • The Make-Up;
  • Metronomy;
  • Mitski;
  • Núria Graham;
  • Operators;
  • Sampha, Shellac;
  • Tycho;
  • Wand;
  • Weyes Blood.

NOS Primavera Sound: bilhetes e pontos de venda


Os bilhetes estão disponíveis na bol – bilheteira online, na ticketea, no Portal Primavera Sound e nos locais habituais (FNAC, CTT, El Corte Inglés, Worten).

Dependendo da plataforma, os bilhetes diários custam entre os 55 e os 59 euros e os passes gerais estão disponíveis entre os 110 e os 114 euros

Por fim, se está a pensar ir ao NOS Primavera Sound, há cinco coisas garantidas: um ambiente fantástico, uma paisagem soberba, a música é incrível, a comida saborosa e as  condições para receber os festivaleiros são excelentes.

Tenha apenas em atenção que as noites podem ser muito frias e húmidas, por isso, leve agasalhos.

Cliquei aqui para conhecer o melhor de Portugal e do Mundo !