3 Mudanças simples que podem melhorar a sua alimentação

Melhorar a sua alimentação não tem de ser difícil e pode consegui-lo com pouco esforço. Por vezes, não nos apercebemos que bastam algumas mudanças simples que podem melhorar a sua alimentação menos boa e uma alimentação saudável. Rapidamente vai também passar a prevenir algumas doenças e suas consequências.

3 Mudanças simples que podem melhorar a sua alimentação
Pequenas mudanças que podem fazer toda a diferença.

Melhore a forma como se alimenta hoje mesmo. Uma alimentação saudável conduz à prevenção de doenças crónicas, perda de peso, aumenta a sua energia e torna-o mais capaz para superar os desafios do dia-a-dia.

Muitas vezes quer começar a mudar a sua alimentação mas não sabe por onde começar. Tende a deixar as mudanças para amanhã? Então veja estas três mudanças simples que podem melhorar a sua alimentação e que pode começar agora a colocar em prática.

3 mudanças simples que podem melhorar a sua alimentação


1ª Ação: Beba mais água

Mudancas simples que podem melhorar a sua alimentacao mulher a beber agua

Lembre-se que o nosso corpo pode confundir fome com sede. Por isso mesmo, aumente a sua ingestão de água para evitar uma ingestão excessiva de alimentos e colmatar aquela vontade de comer. A recomendação geral de ingestão de água corresponde a 1,5 L, isto é, cerca de 8 copos de água.

O nosso corpo é maioritariamente constituído por água. A água é fundamental para a manutenção de uma pele suave e brilhante, eliminar as toxinas do organismo, eliminar alguma retenção de líquidos que possa existir e ajudar o intestino a funcionar de forma regular.

Estratégias para beber mais água:

  • Beber 1 copo de água antes de cada refeição;
  • Beber 1 copo de água ao acordar;
  • Fazer águas aromatizadas com os sabores que mais gosta;
  • Quando estiver fora de casa levar sempre uma garrafa de água consigo;
  • Selecionar, com a ajuda de um marcador, um traço que corresponda a metade de uma garrafa de 1,5 L. Desafie-se a beber a parte superior durante a manhã e o restante ao longo da tarde.

2ª Ação: Não tenha alimentos que não são saudáveis em casa

alimentos saudaveis no frigorifico

Quantas e quantas vezes já deu por si a pensar naquele chocolate que trouxe quando foi às compras?

Lembre-se que a melhor estratégia para evitar comer alimentos mais calóricos passa por não tê-los em casa. Então, quando for às compras evite trazer refrigerantes, pacotes de batatas fritas, chocolates e guloseimas, porque sempre que lhe der uma vontade de comer algo com açúcar ou crocante, a primeira coisa que irá fazer, será ir ao armário e ir buscar o que sabe que lá tem.

Estratégias para não ter em casa alimentos pouco saudáveis:

  • Não ir às compras com fome, porque acaba sempre por comprar mais qualquer coisa;
  • Não comprar alimentos calóricos a pensar nos convívios e visitas que pode receber. Pode apresentar alimentos saudáveis às visitas; Lembre-se que a sua família e amigos vão a sua casa para saber como está e para estar consigo e não pelos petiscos;
  • Faça petiscos mais saudáveis, como por exemplo, patês com queijo batido em vez de maionese ou pipocas com água em vez de óleo;
  • Tenha petiscos mais saudáveis, como por exemplo, fruta desidratada ou tremoços (deve passar bem por água para escorrer o sal em excesso).

3ª Ação: Identifique os 3 hábitos alimentares que estão impedi-lo de ter uma alimentação saudável

check list

Liste 3 hábitos alimentares que estão a afastá-lo de uma alimentação saudável. Depois, escreva à frente de cada um deles, qual seria o hábito contrário, mais saudável, pelo qual esse poderia ser substituído. Por fim, escreva 3 estratégias para mudar esse hábito. Desta forma, obterá com clareza qual é o hábito que deve mudar e como o pode mudar na prática.

No que toca à alimentação, pode ser difícil mudar tudo de um dia para o outro. Experimente dividir tudo aquilo que quer mudar em pequenos passos. E concretize passo a passo. Vai ver que tudo se torna mais fácil.

Veja também:

Nutricionista Teresa Silva Nutricionista Teresa Silva

Teresa Silva é nutricionista, coach de emagrecimento e atualmente criou o programa Dieta para a Vida para ajudar mulheres que estão com dificuldades em emagrecer. Este programa permite que, através de um passo a passo, descubra o que a tem verdadeiramente impedido de emagrecer, que resgate a força de vontade e a motivação para começar a alterar alguns hábitos alimentares no seu dia a dia, que ganhe uma nova auto estima e que atinja o corpo e a imagem que sempre quis, mantendo esses resultados a longo prazo para que nunca mais se volte a preocupar com o peso. A Teresa Silva é licenciada pela Faculdade de Ciências da Nutrição e Alimentação da Universidade do Porto, certificada em eneacoaching pelo Instituto de Eneacoaching e formadora na área da nutrição comportamental.