Miopia e astigmatismo: o que precisa de saber

Miopia e astigmatismo são desordens visuais que acometem com frequência a população. Apresentam características diferentes, mas podem ocorrer juntas.

Miopia e astigmatismo: o que precisa de saber
Os problemas de visão podem dificultar bastante a vida quotidiana.

Apesar de miopia e astigmatismo serem desordens que comprometem a visão, a forma como afetam o olho difere bastante. Podem manifestar-se isoladamente ou em conjunto.

Antes de perceber como a miopia e astigmatismo atuam, primeiro é necessário perceber a constituição e funcionamento do olho. Basicamente o olho assemelha-se a uma câmara fotográfica:

  1. A córnea, que corresponde à superfície frontal e transparente do olho, funciona como uma lenta da câmera que foca a luz incidente;
  2. A íris, a parte colorida do olho, funciona como o diafragma da câmera ao controlar a quantidade de luz que atinge a parte de trás do olho ajustando automaticamente o tamanho da pupila.
  3. O cristalino, estrutura que se encontra imediatamente atrás da pupila, funciona também como lente permitindo a passagem da luz.
  4. De seguida a luz irá alcançar a retina, membrana do seguimento posterior do olho onde se encontram os recetores fotossensíveis, originando ondas elétricas que serão transmitidas ao cérebro pelo nervo ótico.

A miopia e o astigmatismo ocorrem devido a erros numa das fases deste processo.

Miopia


miopia e astigmatismo

A miopia caracteriza-se pela dificuldade de ver objetos distantes. No entanto, objetos que se encontram próximos são vistos claramente.

Plano de Saúde Grátis
Cuide da sua saúde. Obtenha consultas de clínica geral, medicina dentária e especialidade médicas gratuitas.Peça aqui o seu plano grátis.

Em pessoas com miopia geralmente o globo ocular é mais longo que o normal, ou a córnea apresenta uma maior curvatura, então a luz que entra no olho não está focada corretamente. Os raios de luz das imagens focam-se à frente da retina, em vez de se focarem diretamente sobre ela, o que causa a visão turva.

Por vezes, as pessoas com miopia não diagnosticada têm dores de cabeça e fadiga ocular devido ao esforço que realizam para conseguir ver claramente à distância. Semicerrar os olhos é uma das estratégias usadas para tentar tornar os objetos mais nítidos.

As causas da miopia não são exatas, mas existem grandes associações com questões genéticas. Portanto, é importante que os pais que apresentam este tipo de desordem se mantenham atentos a sinais de alerta nos seus filhos, de forma a detetar o mais precocemente possível. Geralmente, a miopia nas crianças é detetada na escola. Elas têm dificuldade a ver o que se encontra escrito no quadro, no entanto conseguem ler facilmente um livro.

Astigmatismo


astigmatismo

Apesar da miopia ser o defeito visual mais comum, o astigmatismo é também muito frequente.

O astigmatismo corresponde a um erro de refração, em que a luz não se concentra em apenas um ponto focal para produzir uma visão clara. Em vez disso, ocorrem múltiplos pontos de focagem, tanto na frente da retina como atrás (ou ambos). Este defeito causará visão turva e desfocada num determinado grau em todas as distâncias. Ver os detalhes e pormenores torna-se difícil em pessoas com astigmatismo.

Quando não se corrige esta desordem sintomas como fadiga ocular, dores de cabeça e visão baça em todas as distâncias podem ocorrer, especialmente após leitura ou outras tarefas visuais prolongadas.

No astigmatismo o olho não se encontra perfeitamente simétrico devido a uma imperfeição na curvatura da córnea, ou na forma do cristalino. Um dos meridianos encontra-se significativamente mais curvo que o meridiano perpendicular a este. Para entender o que são os meridianos, pense na parte frontal do olho como a face de um relógio. Por exemplo, a linha que une o 6 e o 12 é um meridiano, tal como a linha que une o 3 e o 9.

Uma cicatriz na córnea, após lesão ou infeção, ou cirurgia ocular, como a cirurgia de catarata e transplante de córnea, também podem originar astigmatismo.

Miopia e astigmatismo


cornea do olho

Também é comum encontrar-se casos em que miopia e astigmatismo se manifestam em conjunto, exigindo um acompanhamento mais específico e regular.

Existem dois tipos de astigmatismo com miopia, que podem ser diagnosticados ao examinar os principais meridianos do olho. Um simples astigmatismo com miopia é detetado quando o meridiano principal é míope, mas o outro meridiano não é afetado. Uma outra forma mais complexa surge quando ambos os meridianos se encontram com miopia e um é mais pronunciado que o outro. Essas diferenças na estrutura do olho em torno do meridiano principal fazem com que a luz recebida pelo olho seja focada na frente da retina, em um ou ambos os olhos.

Cuide da sua saúde. Consiga aqui consultas de clínica geral, medicina dentária e especialidade médica gratuitas!

Veja também:

Ler mais
Ana Vicente Ana Vicente

Ana Vicente é fisioterapeuta, instrutora de pilates clínico e pós graduada em terapia assistida por animais no papel. Na realidade é apaixonada por pessoas, animais, palavras e pelas maravilhas da natureza. Motivada a deixar uma marca positiva no seu mundo e no dos outros, compromete-se a contribuir para o conhecimento e bem-estar das pessoas.