Mindfulness: a mente aqui e agora

Mindfulness: a mente aqui e agora

Aprenda a manter-se focado.

O mindfulness tem as suas raízes na meditação mas os seus benefícios podem sentir-se no dia-a-dia de qualquer um de nós.

Já deu por si a fazer uma viagem de carro e não se lembrar do percurso? Já abriu o computador para enviar um e-mail e acabou por passar uma hora online a fazer todo o tipo de coisas, exceto enviar o tal email? E o stress? Permite-lhe desligar quando se deita? Com que frequência se sente como se tivesse ligado o piloto automático e o corpo se mexesse sozinho nas várias situações, enquanto a cabeça está noutro lugar?

A solução para estas situações e para a correria da vida quotidiana pode muito bem ser o mindfulness, uma técnica budista que pode converter-se na melhor arma contra a rotina e os males do dia-a-dia. 
 

Mindfulness: o que é?


Proteja a sua saúde!
Receba conteúdos exclusivos e habilite-se a um check-up completo. Registe-se já!
Mindfulness é o foco intencional. É a nossa capacidade de dar atenção ao momento presente, às emoções, pensamentos e sensações, de forma a estarmos conscientes da nossa experiência em cada momento da nossa vida.

Ou seja, de nos lembrarmos de prestar atenção, a ter consciência de nós próprios.

O mindfulness  pode ser usado em contexto terapêutico, para lidar melhor com doenças físicas e psicológicas, ou no dia-a-dia, como forma de promover o autocontrolo e o bem-estar.



Viver o aqui e o agora




Mindfulness é um treino que utiliza técnicas simples de meditação, que já são conhecidas e usadas há vários séculos, e que podem ser utilizadas para que as pessoas aprendam a prestar atenção, de forma intencional, a todos os momentos, inclusive a coisas às quais normalmente não dedica muito tempo.

Quando praticamos mindfulness estamos a prestar atenção de propósito, no momento presente (aqui, agora). E devemos fazê-lo sem julgamentos ou autocensura, pois, por vezes, estas reações motivam-nos a não querer parar para pensar. 

O objetivo desta prática é obter uma observação neutra do que se passa, sem sentimentos de tristeza ou euforia, conduzindo-nos a uma nova forma de ver e de interpretar os problemas e as emoções. Em estado de mindfulness estamos completamente focados no que se está a passar connosco neste preciso momento.



Benefícios da atenção plena



Os benefícios são reconhecidos pela ciência. Por exemplo, estudos desenvolvidos no Centro de Mindfulness de Oxford comprovam que as pessoas que meditam com regularidade são mais felizes e satisfeitas e defendem que as emoções positivas contribuem para uma vida mais saudável.

Eis alguns exemplos das vantagens desta prática:
  • Reduz o stress e a pressão arterial;
  • Diminui ansiedade, depressão e irritabilidade;
  • Reduz o impacto de doenças como a dor crónica;
  • Aumenta o vigor físico e mental;
  • Auxilia na superação de conflitos;
  • Ajuda a dormir melhor;
  • Desperta a criatividade e a originalidade;
  • Maior concentração e memória;
  • Permite ter melhor contacto consigo próprio, com os outros e com o mundo ao seu redor;
  • Desenvolve a autoaceitação e, consequentemente, a aceitação dos outros.



Como ser mindful no dia-a-dia 




O Mindfulness é uma atitude que pode ser treinada, no quotidiano, através de exercícios muito simples mas eficazes. Conheça 8 estratégias que o ajudam a ser mindful durante o seu dia.
 
  1. Ao acordar, antes de sair da cama, faça cinco respirações completas trazendo a sua atenção plena para elas. Repare no ato de respirar e nas sensações que lhe desperta.
     
  2. Todos os dias, de manhã ou à noite, faça uma lista mental por tudo o que se sente grato. Mude o foco do que precisa para aquilo que quer.
     
  3. Ao tomar banho tente não pensar em nada e focar a atenção na água a cair no corpo. Foque a atenção na pele.
     
  4. Repare na sua postura corporal. Esteja consciente de como a sua mente e o seu corpo se sentem quando caminha, se senta, deita ou levanta.
     
  5. Lembre-se de respirar. Durante o dia, tire alguns momentos para trazer a sua atenção para a sua respiração. Concentre-se nesta tarefa cada vez que inspira e expira, pois isso ajuda a alinhar estado físico e mental no momento presente. 
     
  6. Quando ouvir um telemóvel tocar, o riso de alguém, a buzina de um carro ou qualquer outro som, use-os para se lembrar de estar completamente no momento presente.
     
  7. Às refeições evite estar ligado ao telemóvel, ver televisão. Em vez disso, opte por tentar sentir a textura com a língua o sabor de cada alimento. Respire e atente na comida, cheire, mastigue e saboreie cada momento. Faça o mesmo nas outras atividades diárias.
     
  8. Quando estiver a falar com alguém, esteja presente. Escute com atenção o seu interlocutor, sem ter de gostar ou não gostar ou sem planear o que vai dizer quando for a sua vez de falar.
 

Veja também: