Como fazer uma massagem shantala

Como fazer uma massagem shantala

Todos os benefícios.

A massagem Shantala é uma massagem específica para bebés que permite o fortalecimento dos laços afetivos entre os pais e o bebé. Mas há mais!

A massagem Shantala é uma técnica de massagem milenar com origem na Índia.

Foi, no entanto, o obstetra francês Frederick Leboyer que a descobriu e trouxe para o ocidente. Numa viagem pela Índia, Leboyer viu uma mulher a massajar o seu bebé e pediu-lhe permissão para a fotografar.

Fê-lo diariamente tentando retratar o amor que via ser transmitido pela mãe ao seu filho. A mulher chamava-se Shantala e assim passou a chamar-se a massagem também.
 

8 Benefícios da massagem Shantala


Tome nota:
A ligação que existe entre uma mãe e um filho é a mais poderosa! Receba já todas as dicas para si e o seu bebé.
A massagem Shantala traz diversos benefícios para o bebé e, consequentemente, para os pais.

 
  • É relaxante, uma vez que liberta a tensão acumulada;
     
  • Melhora o humor do bebé;
     
  • Estimula o aparelho gastrointestinal;
     
  • Evita e previne cólicas, prisão de ventre e insónias;
     
  • Favorece a respiração, facilitando  a eliminação de toxinas;
     
  • Estimula o fluxo sanguíneo e aumenta a oxigenação dos tecidos;
     
  • Favorece o desenvolvimento psicomotor, desenvolvendo no bebé a consciência do seu corpo no espaço;
     
  • Contribui para o fortalecimento dos laços afetivos entre a mãe ou o pai e o bebé.
 


Massagem Shantala: passo a passo


Massagem Shantala
A massagem deve ser feita todos os dias, à mesma hora, sempre num ambiente calmo. De preferência, a média luz e com uma música relaxante em ambiente de fundo. É importante que seja feita, no mínimo, 30 minutos após o bebé mamar e 1 hora depois, caso ele beba biberão, para evitar que regurgite.

No entanto, se o bebé estiver constipado, com gripe, febre ou outros sintomas, deve parar-se a massagem até que recupere.
 


15 Passos para fazer uma massagem Shantala


Na massagem Shantala, os movimentos devem sempre ser realizados no sentido de dentro para fora, de baixo para cima ou do centro para as extremidades. Comece sempre pelo lado esquerdo e termine no lado direito porque este é o sentido da energia do nosso corpo. Cada um dos movimentos que descrevemos de seguida deve ser repetido entre 3 a 10 vezes.
 
  • Comece a massagem pelo peito, deslizando as mãos do centro para os lados;
     
  • Coloque as mãos na anca do bebé, suba pelo tronco, enquanto move as mãos em pequenas ondulações, de forma alternada. A primeira mão sai do lado esquerdo da anca até ao ombro direito, depois, a outra mão sai do lado direito em direção ao ombro esquerdo;
     
  • Vire o bebé de lado e massaje os seus bracinhos. de seguida, segure o ombro com uma mão, o pulso com a outra e deslize-a, fechada, no sentido do ombro até o pulso. De seguida, repita movimento com as duas mãos, no mesmo sentido. É como se fosse uma rosca, com uma mão no sentido contrário da outra;
     
  • Antes de passar para outro baço, massaje a mão do bebé com os polegares e alonge os seus dedinhos. Dobre cada um deles para trás, cuidadosamente, como se fosse mesmo um alongamento;
     
  • Com as mãos, percorra a parte lateral do bebé, das costelas até às ancas, com as mãos em concha, viradas para fora ou, então, segure nas pernas para cima e faça o mesmo movimento com o antebraço;
     
  • Com a mão, envolva a perna do bebé, formando um arco, e siga da virilha até ao tornozelo, alternando as mãos;
     
  • Com as duas mãos, faça movimentos giratório, de vai e vem, da a virilha até ao tornozelo, quando neste, insista um pouco para estimular a circulação;
     
  • Mova os polegares do centro do pé até aos dedos e deslize toda a mão pelos pés do bebé.  De seguida, começando sempre pelo polegar, segure cada dedo e massaje a ponta de cada um deles. Faça o mesmo na perna e pé direito;
     
  • Agora, vire o bebé de costas, colocando-o perpendicular às suas pernas, com a cabeça voltada para o seu lado esquerdo. Coloque as suas mãos espalmadas e faça movimentos de vai e vem, desde a nuca ao rabiosque e volte a subir;
     
  • Com a sua mão direita no rabiosque do bebé, deslize a mão esquerda com o polegar aberto, da nuca ao rabiosque;
     
  • Coloque o bebé na posição inicial, junte os dedos no centro da testa e faça um semicírculo, contornando cada olho. Regresse à testa, faça outro semicírculo em direção às maçãs do rosto. No fim, faça semicírculos até ao queixo;
     
  • Com os polegares, suba da base do nariz até o centro da testa e regresse, num movimento de vai e vem;
     
  • Segure as mãos do bebé, abra os seus braços e volte a fechar, cruzando-os de forma a  alternar o braço que fica por cima. Este movimento melhora a respiração e alivia as tensões nas costas;
     
  • Cruze as pernas do bebé em posição de lótus e leve-as em direção à barriga. Alterne;
     
  • Por fim, se possível termine a massagem com um banho.

 

Receba aqui as melhores novidades para si e para o seu bebé



Veja também: