A importância dos preliminares numa relação sexual

A importância dos preliminares numa relação sexual

As razões e as melhores dicas.

Quase podemos dizer que, sem preliminares, não há sexo ou prazer. Saiba porque é que os preliminares são absolutamente essenciais.

Os preliminares são essenciais (repetimos: essenciais!) para um relação sexual satisfatória para a mulher e, arriscamo-nos a dizer, para o homem também. É certo que o homem não precisa de muito para atingir o orgasmo, porém, é ainda mais certo que este vai ser muito mais explosivo se ambos investirem nos preliminares. É importante reter isto: sem preliminares, não há lugar a orgasmo para a mulher.
 

Porque é que os preliminares são essenciais? 


A resposta a esta pergunta podia ser muito simples: porque sim. Para um homem, uma relação sexual não tem cabimento sem atingir o orgasmo, certo? Porque razão para a mulher isso deveria ser diferente? Não é. Se não existir um mínimo de jogo de sedução antes da penetração, a mulher  não vai estar disposta para o sexo, não vai lubrificar, tampouco vai atingir o orgasmo e ter prazer.

Depois, quanto mais prolongar o sexo, melhor será. O que é bom não queremos que acabe rápido, verdade? Este é o momento para se dar por inteiro à pessoa que está consigo e colocar em prática todas as vossas fantasias sexuais. Enquanto que o homem precisa de poucos minutos para atingir o ponto máximo de excitação, a mulher precisa de algo mais, cerca de 15 minutos, por isso, deixe a penetração para o final e entregue-se a intensos jogos de prazer.

Até porque, os preliminares são essenciais para que o útero da mulher sofra uma ligeira elevação, para o canal vaginal alongar e lubrificar, permitindo e facilitando a penetração sem que a mulher sinta dor e, assim, consiga alcançar o orgasmo. É evidente que isto não só beneficia a mulher como também o parceiro.

 

Quando começam os preliminares?


Na cabeça de uma mulher, os preliminares começam naquele momento em que lhe abriu a porta para ela entrar, quando lhe disse que aquele vestido lhe fica mesmo bem, quando lhe enviou uma mensagem provocante a meio da tarde, quando lhe ofereceu um presente inesperado ou quando elogiou algo que ela fez. Quem é que não gosta de ser apreciado e mimado?

Não esquecendo o que dizemos acima, hoje vamos focar numa fase mais avançada. Antes de mais, um alerta: começar os preliminares pelo toque nos genitais é quase o mesmo que começar com penetração e muito dificilmente terá sucesso. Percebemos a confusão. Os filmes pornográficos são ótimos para aumentar o desejo e estimular a criatividade sexual mas, no que diz respeito a esta fase da relação, não podiam estar mas errados.

 

Atenção aos pontos erógenos


É importante perceber quais são os pontos erógenos da parceira ou parceiro e para isso é preciso estar atento à resposta deles ao seu toque. Haverá quem fique excitado com massagens nas costas, outros com palavras quentes nos ouvidos, beijos nas covinhas do pescoço podem ser o rastilho para uns e lambidelas nas coxas para outros. 

Vá explorando e, já sabe, se não está a receber gemidos e torções nem a zona genital está lubrificada, é tempo de mudar de estratégia. Os cinco sentidos são todos precisos numa relação sexual, por isso, não descure nenhum. 

Normalmente, numa mulher, os pontos erógenos são as orelhas, o pescoço, as costas, as virilhas e partes internas das coxas e as virilhas, o peito e o rabiosque. Os pontos erógenos dos homens não andam muito longe e são as costas, o pescoço, o peito, a cabeça, as coxas, as nádegas e os testículos.

 

5 Dicas para uns preliminares incríveis



Na verdade, os preliminares são muito simples e basta apenas alguma dedicação. Deixamos cinco dicas que, para nós, são obrigatórias em cada sessão. Além disto, recomendemos que recheie a sua mente com contos, filmes eróticos e, também, pornografia para aumentar a criatividade sexual, a excitação e melhorar cada vez mais a sua performance


1. Beijar na boca

Beijar na boca é essencial e é o ínicio de tudo. Longos, molhados e intensos beijos na boca precisam-se! Quantos mais, melhor.

 

2. Massagem com óleos

Depois dos beijos, dê atenção ao corpo todo. Invista num óleo comestível e massaje o corpo do parceiro, sem esquecer nenhum ponto, com intensidade e sem pressa. Pode usar as mãos ou o próprio corpo.

 

3. Atenção nos seios

Beijos, massagens e lambidelas nos seios são obrigatórios, mais uma vez, demoradamente e alternando a intensidade. Enquanto o faz, masturbe suavemente os genitais e penetre-a com os dedos. Vai enlouquecer.

 

4. Brinquedos na cama

Plumas, algemas, vibradores (grandes, pequenos e mini), anéis penianos, jogos ou lubrificantes são apenas alguns dos brinquedos que pode trazer para a cama e vão tornar os preliminares mais divertidos, excitantes e ajudam a sair da rotina.

 

5. Sexo oral dedicado

Para o menino e para menina! Com intensidade mas não é sempre com o turbo ligado. Comece suavemente e vá aumentando à medida que recebe essa indicação. No caso dele, não esqueça os testículos, no caso dela, não esqueça o resto do corpo. Como no resto, é preciso tempo e entrega.
 



Veja também:

Artigos em destaque