Hemorroidas trombosadas: o que são e como tratar?

Hemorroidas trombosadas: o que são e como tratar?

Saiba o que são e qual a melhor forma de tratar as hemorroidas trombosadas.

Sofre de hemorroidas trombosadas? Neste artigo vamos falar sobre este tipo de hemorroidas e indicar as melhores formas de as tratar.

As hemorroidas trombosadas são hemorroidas que têm coágulos de sangue.

Estas hemorroidas são extremamente dolorosas e desconfortáveis.


Hemorroidas trombosadas: o que são?


As hemorroidas trombosadas são hemorroidas que têm coágulos de sangue e são facilmente detetáveis através de um exame retal ou anal.

Durante este exame, o médico coloca um dedo dentro do seu reto para verificar se existem veias inflamadas.


Tratamentos alternativos à cirurgia


gelo
Há diversos tratamentos para as hemorroidas trombosadas, apesar da cirurgia ser o mais comum em pacientes que sofrem deste problema.

Antes de avançar para uma cirurgia, e, claro que esta decisão terá de ser tomada junto com o seu médico, há tratamentos alternativos que devem ser tidos em conta.


1. Banhos de assento

Os banhos de assento mornos são um dos tratamentos que podem obter bons resultados. Para além de aliviar a dor e possível prurido, ainda ajudam a manter a higiene, evitando assim que haja um agravamento da inflamação.

Proteja a sua saúde!
Receba conteúdos exclusivos e habilite-se a um check-up completo. Registe-se já!
Se aliar o banho de assento ao tratamento com gelo, os resultados serão, ainda, melhores e mais rápidos, pois a combinação quente/frio reduz o fluxo de sangue para as hemorroidas, permitindo que a hemorroida seque e encolha.

 


2. Tratamento com gelo

Utilizar gelo no tratamento das hemorroidas é bastante eficaz. O gelo atua como vasoconstritor, fazendo com que o sangue acumulado na hemorroida flua para a circulação regular, diminuindo o inchaço.

Para além disso, o gelo vai diminuir os impulsos nervosos por ação do frio, permitindo um alívio imediato da dor na área afetada.

Deve aplicar o gelo diretamente na hemorroida, durante 10 a 15 minutos. Repita este tratamento 3 vezes ao dia.

 


3. Pomadas

Há diversas pomadas disponíveis no mercado. Poderá ler mais sobre as mais aconselhadas aqui. No entanto, se quiser optar por uma pomada mais natural, deve escolher uma com hamamélis.

O hamamélis é recomendado para pacientes com hemorroidas trombosadas, pois é conhecido pela sua capacidade de encolher as hemorroidas e proporcionar o alívio da dor.
 

Tratamento atrvés da cirurgia:


cirurgia
A remoção cirúrgica dos tecidos da hemorroida dos tratamentos mais comuns entre os pacientes que sofrem de hemorroidas trombosadas.

Há diferentes procedimentos cirúrgicos para este problema.  


1. Hemorroidectomia

A hemorroidectomia consiste em fazer pequenas incisões em torno do ânus para cortar as hemorroidas. O paciente tem de ser anestesiado, sendo que o tipo de anestesia utilizado é decisão do médico, que poderá optar por anestesia local ou anestesia geral.

Este procedimento é de ambulatório, ou seja, normalmente os pacientes vão para casa no mesmo dia.

No entanto, tem uma desvantagem em relação a outros, pois como as incisões são feitas numa zona sensível, se o paciente precisar de levar pontos, a recuperação será mais dolorosa.

 


2. PPH ou Procedimento de Prolapso e Hemorroidas

O PPH é um procedimento minimamente invasivo, em que o cirurgião recorre à utilização de um agrafador circular, cuja função é reposicionar as hemorroidas e cortar o seu fornecimento de sangue.

Como nesta técnica a hemorroida prolapsada é movida para cima do ânus, onde há menos terminações nervosas, acaba por tonar-se menos dolorosa e, também, tem um tempo de recuperação inferior quando comparada com a hemorroidectomia.

 


3. Cirurgia por laser

Este procedimento consiste na utilização do laser de forma a queimar o tecido hemorroidário e assim fazer desaparecer a hemorroida.

No entanto, é menos utilizado, pois não estão provadas as suas vantagens em relação a outros tratamentos cirúrgicos como, por exemplo, o PPH, que tem obtido excelentes resultados.

 


4. TDH ou laqueação transanal

Este procedimento consiste na laqueação transanal das hemorroidas, por sutura, e é guiado por doppler. Tal como o método a laser, é menos utilizado, pois é de difícil execução e de eficácia reduzida.

 


5. Cirurgia por radiofrequência

No tratamento das hemorroidas, este procedimento também é menos utilizado, pois, é usado um gerador de radiofrequência que vai coagular as hemorroidas.

Esta técnica é demasiado dispendiosa e os seus resultados não são tão eficazes como o PPH ou a hemorroidectomia.

Se a saúde é uma prioridade para si, clique aqui.

 

Veja também: