Hemorroidas: tratamento com gelo

Hemorroidas: tratamento com gelo

Saiba como tratar as hemorroidas usando gelo.

Há vários tipos de tratamento para as hemorroidas. O tratamento com gelo é amplamente recomendado. Saiba porquê.

Minimizar os problemas com hemorroidas, usando o tratamento com gelo é muito benéfico para o doente.

É um tratamento caseiro, natural e altamente eficaz e que facilmente pode aplicar.

No entanto, antes de avançar para o tratamento, é importante saber do que se trata quando se fala em hemorroidas.


Hemorroidas: o que são?


A hemorroidas são estruturas vasculares, presentes no canal anal, cuja função é auxiliar e controlar a passagem das fezes.

Proteja a sua saúde!
Receba conteúdos exclusivos e habilite-se a um check-up completo. Registe-se já!
Todos nós, na verdade, temos hemorroidas. Mas nem todos sofremos de doença hemorroidária.

É, no entanto, comum associar-se o termo hemorroida à doença em si, pelo que é usado dessa forma neste artigo.

Portanto, hemorroidas são a dilatação e inflamação das veias do reto e ânus, que podem vir acompanhadas de prurido, trombose ou hemorragias.
 

Hemorroidas: Como tratar


fibras
Há vários tratamentos para as hemorroidas. Uns naturais, outros que recorrem a medicação, ou seja, tratamentos não invasivos. Há, também, tratamentos que obrigam a recorrer a cirurgia, tratamentos invasivos.

Os sintomas mais ligeiros podem facilmente ser aliviados pela simples mudança de hábitos alimentares, aumentando a ingestão de fibras, presentes na fruta, vegetais e cereais.

Aumentar a ingestão de líquidos também ajuda; no entanto deve evitar bebidas alcoólicas e açucaradas.
 

Hemorroidas: Tratamento com gelo


Para aliviar os sintomas de dor e o inchaço provocados pelas hemorroidas, o tratamento com gelo tem bons resultados.

É um tratamento natural que ajuda a controlar os sintomas, proporcionando o alívio e a redução do inchaço nos tecidos moles circundantes.

Tem ainda a vantagem de ser económico e de estar sempre à mão.
 

Como atua o gelo?

O gelo no tratamento das hemorroidas, é bastante eficaz, pois a baixa temperatura atua como um vasoconstritor.

A constrição dos vasos sanguíneos, faz com que o sangue acumulado na área com edema flua para a circulação regular, diminuindo o inchaço.

Para além disso, o frio do gelo ajuda a diminuir os impulsos nervosos dentro da área afetada, permitindo um alívio imediato da dor, pela sua inibição.
 
 


Como aplicar o gelo?

Nas hemorroidas, o tratamento com gelo deve ser aplicado diretamente. Use um saco de gelo ou um cubo de gelo envolvido num pano e aplique diretamente sobre a zona afetada.

O tratamento com gelo não deve ultrapassar os 10 a 15 minutos. Pode ser repetido 3 vezes ao dia.


Nota


É de importância salientar que nas hemorroidas, o tratamento com gelo, sendo um tratamento caseiro vai aliviar os sintomas e proporcionar uma redução da dor.

No entanto, as hemorroidas, ou a doença hemorroidária, devem sempre ser vigiadas pelo seu médico. Não deixe de o consultar.


Hemorroidas: como se classificam?


Há dois tipos de hemorroidas: internas e externas.

As hemorroidas internas ocorrem no reto e podem ser classificadas em quatro graus, consoante saiam através do ânus ou não e seja ou não possível retornarem à sua posição.

Ainda dependendo do seu grau, podem ser facilmente detetadas (graus III e IV) e dolorosas ou não provocarem dor e passarem quase despercebidas (graus I e II).

As hemorroidas externas ocorrem no ânus ou no final do canal anal e estão cobertas por pele muito sensível. São muito facilmente detetadas.

De um modo geral, estas hemorroidas não causam dor. Mas em caso de formação de um coágulo , podem tornar-se dolorosas e salientes e levar a uma hemorragia.
 

Hemorroidas: Causas


gravida
Há vários fatores associados ao aparecimento das hemorroidas.

Causas como as mencionadas abaixo podem estar na sua origem.
 
  • Prisão de ventre, esforço para evacuar e ficar longos períodos sentado na sanita
  • Obesidade e uma dieta pobre em fibras e líquidos
  • Gravidez: com a gravidez, aumenta o peso e logo a pressão da veia retal
  • Tabagismo: promove hemorragias internas das veias da região fetal
  • Histórico familiar  

Se a saúde é uma prioridade para si, clique aqui.

 

Veja também: