Hemorroida: sintomas a que deve estar atento

Hemorroida: sintomas a que deve estar atento

Será que tem doença hemorroidária? Identifique os sintomas

Para saber se sofre hemorroidas, precisa de reconhecer os sintomas. Neste artigo veja quais os sintomas e como identificá-los.

Ao falar sobre hemorroida e nos sintomas a que deve estar atento, há que também ter em conta o que é e quais são as suas causas.

Todos nós temos hemorroidas. Mas quer isso dizer que todos sofremos dessa doença? Não.

Na verdade, aquilo a que de forma mais comum se chama de hemorroida, é no fundo a doença hemorroidária.

No entanto, e porque é assim conhecida de forma mais vulgar, sempre que nos referimos a hemorroida neste artgo, estaremos falar da doença.

Hemorroida: o que é?


A hemorroida é uma veia dilatada e inflamada que se encontra na zona do ânus e reto.

O tubo digestivo termina no reto, que, por sua vez, termina no canal anal. O reto é uma zona muito vascularizada.

Pode , portanto, dizer-se que a hemorroida é a inflamação e dilatação das veias do reto e ânus.

Hemorroida: sintomas que não pode ignorar


As hemorroidas pode ser sintomáticas ou não, ou seja, apesar de muitas pessoas sofrerem de hemorroidas, nem todas enperienciam sintomas.

Vários são os sintomas da hemorroidas. Abaixo poderá conhecer cada um de forma mais detalhada.


1. Sangue nas fezes

O sintoma mais comum da doença hemorroidária é o sangue nas fezes. Se se der o caso em que, após evacuar, vê sangue nas fezes, significa que tem hemorroidas e que houve uma hemorragia.

Proteja a sua saúde!
Receba conteúdos exclusivos e habilite-se a um check-up completo. Registe-se já!
Se vir sangue na sanita ou no papel higiénico, também deve ficar atento, exceto no caso de ser mulher e estar menstruada. 

As hemorragias provocadas pelas hemorroidas estão muitas vezes na origem de problemas de anemia, pelo que deve entrar em contacto com o seu médico caso tenha alguma suspeição a este nível.

 


2. Sente dor

Quem tem hemorroidas internas normalmente não sente dor.

No entanto, e ainda no caso das hemorroidas internas, se acontecer uma trombose, o paciente vai sentir dor.

Quando se trata de hemorroidas externas, em que é menos frequente doer, se houver formação de um coágulo, a hemorroida vai inchar mais e provocar dor ao paciente.

Em ambos os casos, deve logo entrar em contacto com o seu médico que lhe indicará o que fazer.
 
 


3. Corrimento mucoso

As hemorroidas internas de grau III e IV, uma vez que pode dar-se o seu prolapso, por outras palavras, podem sair para fora do canal anal, estão muitas vezes associadas à existência de um corrimento mucoso e sensação de que o reto não foi totalmente esvaziado.

No caso de verificar a existência de corrimento mucoso, deve entrar em contacto com o seu médico.
 
 


4. Prurido anal

Uma vez que na existência de hemorroida, sintomas como a dor são usuais, é comum que a higiene após evacuação não seja feita como deveria.

Nestes casos, e porque o paciente sente dor ao fazer a sua higiene, acontece frequentemente que pequenos resíduos de fezes pernaneçam no ânus.

Na presença de uma higiene deficiente, é natural que aumentem sintomas de prurido nessa área.


Hemorroida: tipos e causas


1. Hemorroida interna

Há dois tipos de hemorroidas: intermas e externas. As hemorroidas internas podem ser classificadas em quatro graus, consoante a sua gravidade e ocorrem no reto.

Nos graus I e II não são facilmente detetáveis, uma vez que não causam dor.

Nos graus III e IV, causam dor e podem causar hemorragias também. Pode saber mais sobre os graus de classificação aqui.

 


2. Hemorroida externa

As hemorroidas externas aparecem no ânus ou final do canal anal. Estas hemorroidas são facilmente detetadas e de forma geral não causam dor.

Deve no entanto estar atento, pois em caso de formação de um coágulo, fica mais dolorosa e mais saliente, podendo culminar numa hemorragia.

 


3. Hemorroida: causas

Há várias causas para o aparecimento da inflamação na hemorroida. Um estilo de vida sedentário e uma alimentação deficiente em fibras e líquidos poderão estar na sua base.

Mas as hemorroidas são também associadas à gravidez, a casos de obesidade, tabagismo, entre outros. Descubra mais sobre as suas causas aqui.


Nota


No caso de suspeitar que tem hemorroida, os sintomas acima referidos irão ajudar a identificá-la.

É de primordial importância que contacte o seu médico para que possa avaliar a gravidade do seu caso em particular e decidir a melhor forma de tratamento.

Se a saúde é uma prioridade para si, clique aqui.

 

Veja também: