Fruta cristalizada: conheça a sua constituição e saiba como fazer

Fruta cristalizada: conheça a sua constituição e saiba como fazer

Há quem a adore e quem não goste nem um pouco dela.

Produzida a partir de diferentes frutas, a fruta cristalizada é presença assídua em certas festividades do ano e perdição de quem aprecia este tipo de fruta. 

Todos se cruzam com a fruta cristalizada pelo menos uma vez por ano.

Ou não fosse esta iguaria uma presença assídua nas festividades de fim de ano… correção: nos doces típicos dessas festividades, como é o caso do bolo-rei ou das broas de mel, por exemplo.

Mas não só. Há quem não lhes resista durante o resto do ano também. 

Mas se por um lado há quem a adore, por outro há quem não a suporte. No entanto, a fruta cristalizada é mais do que um simples complemento dos doces natalícios. 

Fruta cristalizada: o que é? 


Obtenha um Plano Alimentar Personalizado
Perca peso de forma saudável e não o volte a ganhar! Fale já com a nutricionista online!


Explicado de forma simples. A cristalização da fruta é um processo de conservação, cuja utilização data de há mais de 4000 mil anos no Egipto. O processo chegou à Europa através da França, onde a fruta era cristalizada em mel. 

Este processo de cristalização da fruta consiste em substituir quase toda a água da fruta por uma calda de açúcar, que impede que a fruta fique deteriore, mantendo-se própria para consumo durante muito mais tempo. 



Cuidados a ter no consumo de fruta cristalizada


É certo que este método de conservação da fruta ajuda permite preservar algumas das propriedades da fruta, mas há um senão. Devido à elevada concentração de açúcar é altamente calórica. Lá doce é. Mas esta ainda que seja uma característica certamente muito apetecível para alguns, não é nada benéfica.

A elevada concentração de açúcar deste tipo de fruta faz com que os níveis de açúcar no sangue disparem, despoletando uma ação intensiva da insulina. Sendo assim, este tipo de alimentos não deve ser ingerido de forma isolada durante o dia, e as porções devem-se manter pelo mínimo possível. 

Por esta razão deve ser consumida com muita moderação e evitada por pessoas com diabetes, por exemplo.



Fruta cristalizada: Como fazer? 


É fácil de encontrar nos supermercados, mas também a pode fazer você mesmo em casa. Pode cristalizar vários tipos de fruta, sendo as melhores e mais comuns, frutas como a laranja, o limão, os figos, o pêssego, a cereja ou o ananás. 

Se quer experimentar, aqui fica uma receita de como fazer laranja cristalizada. Eis o que vai precisar. 


– Ingredientes – 
 
  • Cascas de 3 a 4 laranjas 
  • 1l de água + 120g de água adicionais 
  • 180g de açúcar

– Modo de preparação – 
 
  1. Comece por cortar a casca da laranja. 
     
  2. Depois coloque um litro de água numa panela, deite lá as cascas da laranja e deixe ferver durante 10 minutos. Ao fim desse tempo, coe, deite a água fora e reserve as cascas.
     
  3. De seguida coloque na panela os restantes 120 gramas de água, juntamente com o açúcar e deixe ferver até que o açúcar se dissolva.
     
  4. Depois junte as cascas da laranja e deixe ferver lentamente durante aproximadamente 30 minutos até que as cascas fiquem macias e translúcidas.
     
  5. Retire as cascas e deixe arrefecer numa folha de papel vegetal. Se gostar de sentir uma camada de açúcar, pode passar as cascas por açúcar enquanto ainda estiverem húmidas. Quando estiverem bem secas é só guardar num frasco. 

E depois já sabe… é deliciar-se com as suas frutas cristalizadas. Mas atenção: consuma-as com moderação. Lembre-se que são altamente calóricas, o que pode ser mau para a sua saúde e dieta. 

 
Obtenha aqui um plano alimentar personalizado !
 

Veja também: