Os 10 erros mais comuns no ginásio

Os 10 erros mais comuns no ginásio

O maior de todos: não treinar!

Pode existir muito esforço e dedicação, mas se o plano de treino não for cumprido com rigor e praticar alguns dos erros mais comuns no ginásio, não vai conseguir um bom desempenho.

São inúmeros os erros que se cometem no ginásio, durante os mais variados treinos, sejam por má postura, falta de pausas, cargas erradas ou até falta de uma alimentação correta.


Estes podem fazer a diferença entre o sucesso e o fracasso do treino e dos resultados que pretende obter. 

Quem pratica exercício físico frequentemente sabe que é essecial seguir algumas regras básicas para serem evitadas lesões desnecessárias, que possam acarretar riscos para a saúde.
 

OS 10 ERROS MAIS COMUNS NO GINÁSIO


suplementacao

Pronto para malhar pesado?
Obtenha um plano de exercícios para atingir os seus objectivos! Saiba tudo aqui !
Constantemente são vistas pessoas a treinar, que cometem pelo menos um destes erros no ginásio, muitas vezes sem terem noção de que os estão a cometer, nem dos riscos que envolvem.

Fique atento à lista dos erros mais comuns no ginásio e perceba se comete algum deles.

Se se identificar com algum ou conhecer alguém que o faça, tente corrigir imediatamente! 
 

1. ​Recorrer a suplementos sem recomendação/aconselhamento de um especialista

Os suplementos nutricionais devem ser usados para suprimir as necessidades fisiológicas que não podem ser satisfeitas com a alimentação normal. Procure o seu nutricionista antes de tomar suplementos nutricionais.

Pode estar a optar por um menos indicado para o seu caso ou pode até nem precisar de os tomar.
 
 


2. Alimentar-se indevidamente

Perceba que, consoante o seu objetivo há macronutrientes que deve ingerir em menor ou maior quantidade e que o momento de ingestão é fundamental para obter resultados satisfatórios, que lhe forneçam mais energia, vitalidade e melhor desempenho e rendimento desportivo. 
 
 


3. Ingerir pouca água

Tão simples, mas é claramentedos um dos erros mais comuns no ginásio! Quando se exercita, o seu corpo perde água. Dependendo da intensidade, das condições ambientais e do tipo de roupas usadas, a sudorese pode levar a perdas excessivas de nutrientes críticos se não forem corretamente substituídos. 

Opte pela água simples ou então adicione alguns sais minerais para facilitar e potenciar a hidratação. 
A hidratação é fundamental para o corpo, antes, durante e depois do treino.
 
 


4. Não pedir ajuda aos monitores

Os conselhos dos monitores servem para que possa tirar partido dos treinos e evitar lesões decorrentes da má execução dos exercícios. 
 
 


5. Iniciar o treino sem aquecer

Nunca substime a importância do aquecimento. Os músculos necessitam de tempo para se adaptarem às exigências físicas do treino. 

É o aquecimento que ativa a irrigação sanguínea e o aporte de oxigénio, e que acelera o metabolismo, tornando o organismo mais apto e preparando-o para o aumento do rendimento dos sistemas fisiológicos, diminuindo o perigo de lesões.

O aquecimento pode e deve ser ativo, através de exercícios que envolvam a mobilidade dos membros superiores e inferiores simultaneamente (tais como correr, exercícios de flexibilidade, remo ou elíptica).

Dependendo da modalidade de treino que se vai praticar, o aquecimento não deve ser inferior a 10/15 minutos, nem superior a 30 minutos.
 
 


6. Terminar o treino e não alongar

Tal como o aquecimento, o alongamento é essencial. Não alongar os músculos que são solicitados por determinado exercício pode provocar lesões e dificultar a recuperação muscular após o treino. 

São inúmeros os benefícios dos alongamentos, desde:
  • induzir o relaxamento;
  • melhorar a coordenação;
  • aumentar a flexibilidade;
  • prevenir lesões;
  • desenvolver a consciência corporal;
  • ativar a circulação.
 
► Conheça mais benefícios e a sua importância, aqui
 


7. Não respeitar os tempos de descanso

Controle as pausas entre os exercícios. Existem exercícios que necessitam de um tempo de descanso, entre cada série, de 3 a 5 minutos e outros que necessitam de apenas 30 a 60 segundos de descanso.

É importante que respeite os tempos que estão descriminados no seu plano de treino. Ouça os monitores.
 
 


8. Não diversificar o treino

A rotina é o pior inimigo do crescimento. O corpo habitua-se e começa a entrar em estado de comodidade. Se a carga ou tipo de atividade física não variarem, o organismo entre em estagnação e, muitas vezes, até perde a condição física.

Os estímulos e o plano de treino devem ser variados. Para facilitar a tarefa, poderá definir (com autorização de quem lhe fez o plano de treino) quatro combinações de treino com a duração de uma semana, alterne-os entre si e crie novas combinações a cada três meses.
 
 


9. Colocar cargas excessivas

No início deve ir com calma, colocar cargas que o permitam realizar o exercício sem que comece a tremer. Após algumas sessões pode ir ajustando a carga mais apropriada para o seu objetivo.

Se de uma vez colocar demasiada carga ou de forma imprópria, não levará a progressos, mas sim a lesões e más posturas. Deve assegurar-se de uma boa postura aquando da realização dos exercícios, aprender corretamente o movimento, focar-se no grupo muscular que está a trabalhar, e respirar.
 
 


10. Respirar de forma incorreta

É importantíssimo respirar de forma ritmada, calma e adequada à intensidade do esforço, acompanhando o ritmo natural das exigências do organismo. 

A respiração adequada durante o exercício é fundamental, pois ajuda a oxigenar os músculos, fornecendo-lhes sangue rico em nutrientes e, potencia a conversão da energia.

Uma respiração errada pode ter um impacto negativo ao nível da tensão arterial, causar a fadiga precoce e comprometer o rendimento físico.
 

​MÁXIMA A RETER


Se realmente se vê a cometer os erros acima descritos, é de extrema importância que os altere já! Procure apoio de profissionais adequados à prática do exercício físico, como os monitores do ginásio e de profissionais como os nutricionistas que o ajudem a alimentar-se devidamente consoante o seu objetivo.

Aí sim, verá que os resultados chegam bem mais rápido!

Receba aqui um plano com exercícios para malhar e ficar em forma !

 

Veja também: