Como acalmar os nervos em 5 minutos

Como acalmar os nervos em 5 minutos

Truques fáceis e rápidos para acalmar os nervos.

Como acalmar os nervos é a pergunta para a qual muitas vezes queremos uma resposta rápida e eficaz. Está preparado para isso? Descubra alguns truques que o podem ajudar.

Todos conhecem bem a sensação. Por culpa do trânsito chega atrasado ao trabalho e quando finalmente entra no escritório e liga o computador, os e-mails não deixam de “cair” na sua caixa de correio e o telefone não pára de tocar. Como se não bastasse, o seu chefe está de mau humor, tem um trabalho importante para terminar e uma reunião importante dentro de alguns minutos… E o dia está só a começar!

Proteja a sua saúde!
Receba conteúdos exclusivos e habilite-se a um check-up completo. Registe-se já!
O stress faz parte do dia-a-dia de muitas pessoas. Há alturas em que nos deixa com nervos à flor da pele e acaba com a boa disposição.

Para evitar que tal aconteça, dizemos-lhe de seguida como acalmar os nervos em 5 minutos. Sim, em 5 minutos. Afinal, o tempo é um bem que escasseia nos dias que correm.


8 Truques para reduzir o stress em 5 minutos 



1. Abraçar alguém


Dar um abraço a alguém que lhe é querido é um ótimo exemplo de como acalmar os nervos. O simples ato de abraçar faz o organismo liberar ocitocina, uma substância que permite o relaxamento, a confiança e a compaixão. Como resultado, o corpo fica mais relaxado e o ritmo cardíaco diminui, bem como a pressão arterial e os níveis de cortisol (diretamente envolvido nas respostas ao stress).

Além da oxitocina, um abraço promove também a libertação de dopamina, uma hormona que atua como um estimulante, criando uma sensação de prazer no cérebro. 



2. Respirar fundo


As nossas vidas são tão apressadas que muitas vezes parece que nem temos tempo para respirar como deve ser. Quando sentir que está tenso, faça uma pausa e concentre-se exclusivamente na sua respiração. Inspire contando até 4, prenda a respiração e conte até 7. Depois expire lentamente, contando até 8. Repita o exercício durante 5 minutos.

Este truque para acalmar os nervos é eficiente porque ao fazê-lo estamos a “reiniciar” o sistema nervoso e a trazer mais oxigénio à corrente sanguínea para o cérebro.



3. Imaginar um local relaxante 


Basicamente, recomenda-se “sonhar acordado” ou, por outras palavras, que dê asas à imaginação. Pode imaginar, por exemplo, um local que lhe transmite tranquilidade e descanso ou que está a fazer uma atividade de que gosta e que lhe traz serenidade. Desta forma, estará a reduzir os níveis de stress e a promover o relaxamento.



4. Escrever um desabafo


A escrita é uma ótima ferramenta de meditação e terapia. Ao colocar no papel todos os sentimentos negativos, esvazia a alma e, por consequência, descomprime o corpo. Escrever leva-nos a ter um novo olhar sobre nós próprios e sobre os outros, o que é enriquecedor na autodescoberta e nas emoções. Talvez por isso, quando escrito, um problema pareça ser bem menos importante que o que inicialmente se pensava. 



5. Rir muito


A sabedoria popular diz que “rir é o melhor remédio”. E é mesmo. Quando se ri, o organismo liberta endorfinas na corrente sanguínea, o que proporciona uma sensação de bem-estar, reduzindo o stress e aliviando a tensão.

Em casa ou no trabalho, uma gargalhada é um bom exemplo de como acalmar os nervos. Se não puder sentar-se no sofá e ver a sua série favorita, pode sempre ver uns vídeos no tablet ou no computador para aliviar o stress.



6. Apreciar o momento


Há momentos em que é preciso desligarmo-nos do mundo, nem que seja durante uns meros segundos, para não sucumbir aos efeitos do stress. Pense em algo positivo durante 5 minutos. Pode ser uma viagem, um aniversário, uma saída com amigos e aprecie a forma como esses pensamentos a fazem sentir. A prática de mindfulness, por exemplo, uma técnica que desenvolve a atenção focada, ajuda a reduzir os sintomas de stress, promovendo o bem-estar .



7. Ouvir a música preferida 


Independentemente do estilo, a música tem o poder de fazer a mente relaxar e acalmar os nervos. Contudo, os estudos demonstram que o jazz, a música clássica e instrumental são os géneros musicais mais eficazes no que toca a reduzir o stress.



8. Dizer não ao negativismo


Em situações de stress, é muito fácil passarmos a ser controladas por pensamentos negativos e sentimentos de incapacidade. Cultive a optimista que há em si e, em vez de pensar naquilo que lhe está a acontecer, concentre-se na forma como pode resolver a situação.

No trabalho evite trabalhar sem parar durante horas seguidas. Segundo alguns estudos, está provado que um período de concentração intensa durante 90 minutos, seguido de um pequeno período de descanso, permite reduzir o stress acumulado.

Faça algumas pausas de 5 minutos durante o dia e aproveite para dar uma volta ao edifício, conversar com os colegas ou ir à varanda apanhar ar. Vai ver que depois vai sentir-se mais tranquila, revigorada e até mais criativa.

 

Veja também: