Como acabar com a celulite?

Como acabar com a celulite?

8 Dicas para a ajudar a livrar-se deste pesadelo

Quer saber como acabar com a celulite? Pode parecer tarefa impossível, mas não é! Tome nota destas 8 dicas que temos para si e diga adeus à praga que é a celulite. 

A celulite é um problema universal no mundo feminino, quer se localize na barriga, nas pernas ou em outras zonas problemáticas. Descobrir como acabar com a celulite é algo que todas as mulheres que sofrem deste problema procuram.

Indiscutivelmente, acabar com a celulite depende muito do estilo de vida que leva, bem como da sua alimentação. E é nestas áreas que as mudanças devem ser implementadas.
 

O que é a celulite?


Toma nota:
O IMC é uma forma simples e eficaz de perceber se o seu peso é o ideal. Faça o teste agora.
A celulite é, basicamente, uma acumulação de depósitos de gordura debaixo da pele. As covinhas na pele ou o aspeto “casca de laranja” surgem pelo facto de a gordura estar, de certa forma, a empurrar o tecido, causando a inestética aparência de altos e baixos.

As áreas mais propensas são as nádegas e as coxas, mas pode surgir noutras zonas do corpo como, por exemplo, na barriga. 

Ainda que seja mais comum nas mulheres, a verdade é que a celulite também pode afetar homens. Mas, antes de lhe apresentarmos soluções, é necessário perceber quais as causas da celulite. 
 

Quais as causas da celulite?


Existem várias possíveis causas para o despoletar da celulite, sendo estas as principais: 
  • Dieta pouco saudável
  • Desequilíbrios hormonais
  • Fatores genéticos
  • Falta de exercício físico Fumo
  • Excesso de peso
  • Metabolismo lento
  • Sedentarismo
Para além destas principais causas existem ainda outros fatores, como a utilização de roupa interior apertada e que, ao causar uma limitação sanguínea pode levar à formação da celulite. Agora, vamos ao que interessa: como acabar com a celulite? 
 


Como acabar com a celulite?  


1. Ingira muita água 

A água hidrata as células pois, quando estas não recebem água suficiente ficam fracas e acabam por não aguentar a pressão da gordura, que luta para chegar à superfície da pele.

Assim sendo, se beber muita água e as células estiverem hidratadas, ganham força e puxam a gordura, que está a transformar-se em celulite, para baixo. 

 

2. Massage a zona com celulite

Massajar a zona afectada pela celulite vai ajudar a partir tecidos de gordura e a fazer com que o sangue, nessas zonas, funcione melhor, disfarçando a inestética celulite. 

Procure fazer estas massagens diariamente e, em pouco tempo, verá diferenças!

 

3. Ingira anti-oxidantes

Uma das principais causas da celulite são os radicais livres, que se formam pela exposição ao sol, fumo, bem como devido à má alimentação e stress, entre outros fatores. 

Por isso, para acabar com a celulite, é importante ingerir anti-oxidantes, como bagas de goji, moringa, etc.

 

4. Restrinja o seu consumo de gorduras

Quer saber como acabar com a celulite com ajuda da alimentação? É relativamente simples! Comece por restringir o seu consumo de gorduras, pois, dessa forma, vai diminuir os depósitos de gordura e, por consequência, a celulite.

 

5. Evite o sal

Sabia que o sal retém água e toxinas? Pois, é verdade. O que faz com que a celulite pareça pior do que realmente é. 

Os molhos industrializados têm o mesmo efeito, devido à presença acentuada de sódio, bem como os enlatados que, para além do sódio contêm ainda outros conservantes. 

 

6. Deixe de fumar

O fumo provoca má circulação do sangue, acelerando também o envelhecimento e aumentando a celulite. Se deixar de fumar vai notar a diferença.

 

7. Faça exercício físico 

O exercício físico é uma excelente arma, se está à procura de formas para acabar com a celulite. Opte por treinos que combinem exercícios cardiovasculares e musculares e que sejam específicos para a queima de gordura. 

 

8. Ingira Vitamina C e ácidos gordos essenciais

A vitamina C é importante para dar firmeza à pele e essencial no tratamento da celulite. Tem ainda propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias. 

Já os ácidos gordos essenciais (Ómega 3 e Ómega 6) ajudam a restaurar o tecido lesado, deixando as células hidratadas. Estes ácidos encontram-se em peixes de água fria, bem como nas sementes de linhaça.

 

Veja também: