Castanhas assadas: delícias para os dias frios

Castanhas assadas: delícias para os dias frios

A chegada do Outono significa para muitos o regresso das castanhas assadas.

Conheça os benefícios das castanhas assadas e descubra como as pode fazer em casa. Veja connosco. 
 

A chegada dos dias mais frios de outono traz consigo o delicioso cheiro a castanhas assadas que invade as ruas, acompanhado dos habituais pregões.

Além do cheiro, a típica frase “quentes e boas” denuncia a presença dos tradicionais vendedores destas delícias, que nessa altura do ano são fáceis de encontrar um pouco por todo o país.

Mas, sem querer estragar o negócio aos vendedores, a verdade é que também pode preparar umas boas castanhas assadas em casa.

E por isso mesmo vamos não só dizer-lhe porque não precisa (nem deve) resistir a estas delícias, mas também alguma das formas como as pode preparar em casa.

Como fazer castanhas assadas…


1. No forno

castanhas no forno

– Ingredientes – 
  • 1kg de castanhas
  • Sal grosso q.b.

– Modo de preparação – 
  1. Lave as castanhas e faça um golpe na horizontal em cada uma delas.
  2. Coloque-as num tabuleiro e cubra com sal grosso.
  3. Leve ao forno, pré-aquecido a 200ºC, durante 35 a 45 minutos (dependendo do tamanho das castanhas).
 


2. No tacho ou frigideira

castanhas na frigideira

– Ingredientes – 
  • 1 kg de castanhas
  • Sal grosso q.b.
  • Água q.b.

– Modo de preparação – 
  1. Lave e prepare as castanhas (faça um corte na horizontal em cada uma delas).
  2. Cubra o fundo do tacho ou da frigideira com sal grosso e disponha as castanhas, deixando algum espaço entre elas.
  3. Salpique as castanhas com água.
  4. Leve ao lume (médio), durante 20 a 25 minutos (quando estiverem com uma cor amarela intensa e a casca ligeiramente queimada em algumas zonas estão prontas).
  5. Retire do lume, embrulhe num pano e deixe repousar alguns minutos.
 

Benefícios das castanhas assadas


Já aqui lhe deixamos várias receitas com castanhas e até lhe falamos (por alto) das propriedades das castanhas.
Tudo para manter a forma
Tenha acesso às melhores dicas de nutrição! Receba já conteúdo exclusivo!

A verdade é a castanha em tempos idos foi um dos alimentos base da dieta diária de algumas populações e constituía até um substituto para outros alimentos como o pão ou a batata.

E ainda que atualmente este fruto do castanheiro seja quase como que uma “gulodice” para os dias mais frios, também pode ser usada para preparar os mais variados pratos, inclusivamente doces.

Este fruto é também portador de vitaminas (A, D, do complexo B e C, entre outras) e minerais (como sódio, potássio, cálcio, fósforo, magnésio, ferro e zinco).

Tudo nutrientes essenciais para o bom funcionamento do organismo e que contribuem, por exemplo, para estimular o funcionamento do cérebro e do sistema nervoso central ou para aliviar o stress e fortalecer os ossos e dentes. 



Composição nutricional das castanhas


Ainda assim, não há como negar que para a maior parte dos apreciadores de castanhas, a melhor forma de as comer é mesmo assadas.

Em termos nutricionais esta é uma boa escolha. Em cada 100 gramas de castanhas assadas estão 222 Kcal, 7 gramas de fibras e 45,5 gramas de hidratos de carbono. A mesma quantidade contem ainda 3,5 gramas de proteínas.


 Não há como negar que esta é uma das razões para se gostar (e muito!) desta época do ano.

Bom apetite!

Saiba as melhores dicas para ficar em forma !

 

Veja também: