Candidíase no homem: qual a origem?

Debilidade no sistema imunitário pode provocar o aparecimento de candidíase no homem. Descubra a origem e os tipos existentes.

Candidíase no homem: qual a origem?
Saiba como se pode prevenir.

A candidíase no homem é uma infecção causada pelo fungo candida albicans que atinge principalmente a boca e os órgãos genitais, podendo, em casos mais graves, afetar inclusivamente alguns órgãos internos e o sistema nervoso central.

O fungo “candida albicans” encontra-se naturalmente presente no organismo humano, nomeadamente na pele, na boca, no órgão genital e no intestino. Enquanto o fungo se encontra nestes locais e em quantidade considerada normal não existe qualquer problema.

Plano de Saúde Grátis
Cuide da sua saúde. Obtenha consultas de clínica geral, medicina dentária e especialidade médicas gratuitas.Peça aqui o seu plano grátis.
Contudo, quando ocorre alguma mudança ou alteração no sistema imunulógico, este fungo poderá espalhar-se com maior intensidade, levando ao aparecimento de um quadro infeccioso, provocando assim a candidíase.

Por isso, é normal o seu aparecimento quando o sistema imunológico está enfraquecido e até por possíveis reações ao uso recorrente de certos antibióticos.

Tipos de candidíase no homem


Apesar de ser um problema de saúde mais frequentemente associada à mulher, a candidíase no homem é também uma realidade e existem diferentes tipos:

1. Candidíase peniana

A candidíase no pénis não é tão comum como a candidíase vaginal, porém merece cuidados quando se manifesta.

Diabetes e higiene precária são fatores comuns que podem levar ao aparecimento deste tipo.

2. Candidíase oral

candidiase oral
A candidíase oral pode ser diagnosticada em crianças, idosos, diabéticos, em adultos após o contato íntimo desprotegido e pacientes em fase de tratamentos que comprometem o sistema imunológico.

Caracteriza-se por pequenas aftas na boca e dificuldade em engolir.

3. Candidíase de esófago

As esofagites de causa infeciosa que têm o fungo candida albicans na sua origem são mais raras e predominam nos pacientes de baixa imunidade, principalmente os portadores do vírus do HIV e pacientes com cancro.

A candidíase de esófago é mais comum em idosos e raramente acomete crianças, exceto quando há comprometimento de imunidade.

4. Candidíase na pele

candidiase na pele
A candidíase na pele é uma infeção que pode aparecer sem outros fatores associados. Ocorre principalmente pelo atrito entre as peles, criando assim pequenas lesões em que surge um ambiente propício para a proliferação de bactérias e fungos, nomeadamente calor e humidade.

5. Candidíase disseminada

Candidíase disseminada ou candidíase sistémica ocorre principalmente em homens com um sistema imunológico enfraquecido, podendo assim atingir recém-nascidos de baixo peso e hospedeiros que tenham o sistema imunitário comprometido.

Nestes casos, o fungo atinge a corrente sanguínea, podendo afetar qualquer órgão e causar complicações graves.

Causas de candidíase no homem


gripe
A candidíase no homem aparece após a proliferação exagerada do fungo candida albicans devido a um sistema imunitário enfraquecido, o que pode ser provocado por:

  • Alterações no sistema imunológico – homens com baixa imunidade como acontece no caso do uso de corticóides, se estiver a efetuar tratamentos de quimioterapia ou infetados pelo HIV;
  • Sexo sem proteção – contato íntimo sem preservativo com uma parceira(o) infectada(o);
  • Uso de antibióticos – uso frequente de antibióticos de largo espectro, corticóides ou antidepressivos que geralmente comprometem o sistema imunológico de uma forma muito intensa;
  • Alterações provocadas pela diabetes – pessoas com pouco controlo da glicemia são mais propensas a desenvolver infeções fúngicas;
  • Em alguns casos, principalmente em adultos acima de 40 anos, a candidíase pode ser o primeiro sintoma de diabetes, tumor ou uma doença orgânica associada;
  • Má higienização do pénis;
  • Elevados níveis de stress;
  • Gripe forte;
  • Uso de drogas.

Cuide da sua saúde. Consiga aqui consultas de clínica geral, medicina dentária e especialidade médica gratuitas!

Veja também:

Ler mais