Aminoácidos essenciais ao crescimento muscular

Os aminoácidos essenciais são fundamentais para o crescimento celular pós-treino. Saiba porquê connosco.

Aminoácidos essenciais ao crescimento muscular
Conheça os principais aminoácidos que atuam ao nível dos músculos.

Quando o objetivo é desenvolver massa muscular, existem duas coisas que são fundamentais: o cuidado com a alimentação e a prática de exercício físico adequado.

Um dos aspetos mais importantes dentro da alimentação é a ingestão de proteínas. Sendo as proteínas constituídas por aminoácidos, nada mais relevante que dar a conhecer os aminoácidos essenciais ao crescimento muscular.

Crescimento da massa muscular


Quando os músculos são desafiados de uma forma mais intensa do que são habitualmente, eles vão crescer de modo a dar resposta à nova realidade.

Troque uma caipirinha por uma ida ao ginásio
Treine no Solinca por apenas 3,99€ por semana e volte a ficar em forma. Aproveite já!

Todos os músculos para se adaptarem a esta nova etapa precisam de se exercitar mais, fazer exercícios específicos, mas não só.

A parte da alimentação desempenha um papel muito importante no crescimento muscular, em particular as proteínas que ingerimos, quer pré ou pós-treino.

Os aminoácidos em particular são usados especificamente para construir músculo e podem produzir resultados impressionantes de uma forma inteiramente natural.

Ainda que atualmente se utilize bastantes suplementos alimentares, é perfeitamente possível obter todos os nutrientes necessários ao crescimento muscular através da alimentação.

Conheça os aminoácidos essenciais ao crescimento muscular


aminoácidos essenciais ao crescimento celularExistem aminoácidos essenciais e não essenciais. Os primeiros correspondem a um terço da proteína muscular, contudo não pode ser sintetizados pelo nosso corpo. Para obtê-los, temos que recorrer a alimentos. Já os aminoácidos não essenciais são sintetizados no organismo.

Todos os alimentos que são compostos por proteínas ajudam a construir a massa muscular e força a curto e médio prazo. Daí que a maioria dos atletas consumam comidas altas em proteínas com uma frequência elevada.

Os músculos não evoluem sem o consumo de proteína, pois são elas que contêm os aminoácidos.

Conhecer os aminoácidos essenciais e que quais são mais importantes para optimizar os resultados é um ponto fundamental para todas as pessoas que têm interesse nesta matéria.

BCAA

Os BCAA são um conjunto de 3 aminoácidos: a valina, a isoleucina e a leucina. O seu conjunto é conhecido como aminoácidos de cadeia ramificada.

Os aminoácidos de cadeia ramificada são tidos em alta consideração no seio da musculação pois são um nutriente chave e dos mais importantes na produção, manutenção e reparação dos tecidos musculares.

Os 3 aminoácidos conseguem exercer um forte efeito sinergético, e utilizar cada um individualmente não terá o mesmo efeito que utilizar os 3 em conjunto.

Além de serem fundamentais no crescimento muscular, outros dos seus efeitos são:

  • Reduzir a fadiga muscular;
  • Promover uma recuperação rápida;
  • Diminuir a perda de outros aminoácidos durante a prática do exercício;
  • Ajudar o organismo a absorver proteína;
  • Transportar energia para o resto do corpo.

Alguns estudos demonstraram que a capacidade do corpo em produzir proteína é drasticamente melhor após a suplementação de duas semanas destes aminoácidos. O mais forte dos três é a leucina.

> Saiba mais aqui sobre os BCAA.

Lisina

A lisina é um dos aminoácidos de extrema importância para o crescimento e desenvolvimento muscular.

  • É utilizado para a absorção de cálcio, que resulta no crescimento de osso e de músculo;
  • Consegue manter o equilíbrio de azoto;
  • Ajuda a manter a massa magra do corpo em períodos de extrema tensão e fadiga;
  • Ajuda a construir novas proteínas musculares.

Arginina

É um aminoácido não essencial no entanto desempenha um papel muito importante nos músculos devido à sua capacidade de facilitar o ganho de massa muscular enquanto que limita a deposição de gordura.

É não só um bom nutriente para o ganho muscular como também tem um papel ativo no controlo do peso.

> Se quer saber mais sobre a arginina, veja connosco aqui.

Conclusões


É evidente que os aminoácidos podem ser boas opções no que diz respeito ao crescimento muscular.

Apesar de terem entre si funções distintas, todos atuam ao nível do músculo e promovem o seu bom desenvolvimento.

É necessário voltar a referir que estes benefícios existem quando há um controlo da alimentação e a pratica de exercício físico responsável.

Troque uma saída à noite por uma ida ao ginásio. Inscreva-se já no Solinca por apenas 3,99€ por semana!

Veja também:

Ler mais