5 Alimentos que os idosos não devem comer

Existem vários alimentos que os idosos não devem comer de forma a garantir uma melhor e maior ingestão alimentar e estado nutricional. Saiba mais connosco. 

5 Alimentos que os idosos não devem comer
Manter bons hábitos alimentares é importante em qualquer momento da vida.

Os idosos necessitam de ter um cuidado especial com a alimentação e adequá-la à sua condição física.

Existem alimentos que devem consumir em maior quantidade para garantir uma boa nutrição e alimentos que os idosos não devem comer.

envelhecimento é um processo natural que se caracteriza por modificações fisiológicas que influenciam a nutrição e a alimentação dos idosos, aumentando o risco de défices nutricionais.

Nesta etapa do ciclo de vida, um estado nutricional inadequado, que se traduz maioritariamente na desnutrição, contribui de forma significativa para a deterioração da capacidade física e para o aumento da morbilidade e da mortalidade, condicionando o bem-estar e qualidade de vida do idoso.


Limitações possíveis de ocorrer com consequências na ingestão e estado nutricional​


Troque uma caipirinha por uma ida ao ginásio
Treine no Solinca por apenas 3,99€ por semana e volte a ficar em forma. Aproveite já!
O processo de envelhecimento promove limitações com consequências na ingestão alimentar e no estado nutricional, entre os quais:
  • Problemas de mastigação (falta de peças dentárias ou prótese)
  • Dificuldade de deglutição
  • Desidratação
  • Alterações da função
  • Gastrointestinal (exemplo: obstipação)
  • Farmacoterapia
  • Demências
  • Outras patologias com impacto nutricional, como diabetes, hipertensão arterial.
     

Quais os alimentos que os idosos não devem comer?


Seguem-se alguns alimentos que os idosos não devem comer, que provocam malefícios à saúde do consumidor.


1. Sopas/Refeições pré-confecionados

sopa

Estas refeições são ricas em açúcar, sal e gordura - para dar sabor à refeição - e com défice de vitaminas do complexo B, perdidas durante a confeção destas refeições. Geralmente contém alimentos mais baratos e menos saudáveis.

 


2. Caldos de galinha tipo "Knorr"

Ricos em glutamato monossódico e gordura vegetal hidrogenada que, quando ingeridos em quantidades significativas podem desencadear dores de cabeça, aceleração dos batimentos cardíacos, dores no peito, dormência ou formigueiro no rosto e pescoço, asma, palpitações e sudorese.

 


3. Alimentos industrializados

alimentos industrializados

São ricos em gorduras, conservantes, corantes, açúcares e sódio, que diminuem a absorção intestinal.

 


4. Sal e alimentos salgados

A Organização Mundial de Saúde recomenda um nível de consumo diário inferior a 5 gramas. Esta recomendação incide na prevenção de doenças do sistema circulatório tal como a hipertensão.  

 


5. Alimentos refinados

alimentos refinados

Alimentos produzidos com a farinha branca como biscoitos, pão francês e até mesm o arroz branco, não são indicados, pois atrapalham a digestão e podem causar flatulência.


Estes são os alimentos que os idosos não devem comer, por isso começe já hoje a gerir melhor a sua alimentação ou de algum amigo ou familiar com mais idade. 

Troque uma saída à noite por uma ida ao ginásio. Inscreva-se já no Solinca por apenas 3,99€ por semana!

 

Veja também:

Ler mais