Os melhores alimentos para fortalecer o seu cabelo

Os melhores alimentos para fortalecer o seu cabelo

Vai sentir a diferença

O verão enfraqueceu o seu cabelo? Não se alarme! Saiba o que deve comer para ajudar a reverter os efeitos típicos desta época no seu cabelo.

O verão é a estação do ano mais agressiva para os cabelos. A exposição solar e a água, quer das piscinas, quer do mar, são 2 fatores que danificam imenso o cabelo e, por isso, deve tomar medidas para o fortalecer antes que seja tarde.
Se começa a notar que o seu cabelo está sem brilho e quebradiço, tome nota dos nossos conselhos e comece a incluir na sua alimentação alimentos para fortalecer o seu cabelo.

Consulta Gratuita de Nutrição
Perca peso de forma saudável e não o volte a ganhar! Fale já com a nutricionista online!

Consuma alimentos ricos em proteína

Os melhores alimentos para fortalecer o seu cabelo são ricos em proteína. Exemplos de alimentos que o irão ajudar a ter um cabelo mais forte são o peixe, os ovos, a carne, o leite e seus derivados e a gelatina.
Os alimentos ricos em proteína são ótimos para o ajudar a acabar com o cabelo fino e quebradiço, pois as proteínas são compostas por aminoácidos como, por exemplo, a queratina, que protegem e fortalecem o cabelo, prevenindo e tratando a queda de cabelo.


Outras vitaminas e minerais amigos do seu cabelo

Para além dos alimentos ricos em proteína, existem outras vitaminas e minerais extremamente importantes para o fortalecimento do seu cabelo, nomeadamente:


1. Ferro

O ferro é um mineral que participa na formação dos glóbulos vermelhos e ajuda a nutrir os folícolos capilares. Quando há falta de ferro, o cabeço fica fraco, sem brilho. Aposte então em alimentos como a soja, a beterraba, o feijão e o fígado, para dar brilho e vitalidade ao seu cabelo!


...............................................................................................................................................................................................................................................................................................


2. Magnésio

O magnésio ajuda a formar uma película protetora em torno dos fios de cabelo, dando-lhes elasticidade e protegendo-os. A banana é uma ótima fonte de magnésio. Procure inclui-la na sua alimentação.


...............................................................................................................................................................................................................................................................................................


3. Ómega 3

O salmão é rico em Ómega 3 e selénio, que ajudam a combater inflamações, protegem o couro cabeludo contra as radiações ultravioleta e auxiliam ainda a circulação e a chegada dos nutrientes ao seu cabelo. Inclua, para além do salmão, alimentos como a sardinha, nozes e sementes de linhaça, na sua alimentação.

...............................................................................................................................................................................................................................................................................................



4. Vitamina A

O melão, a cenoura e o tomate são alimentos ricos em vitamina A. Esta vitamina ajuda a controlar a produção de sebo no couro cabeludo, ajudando a evitar oleosidade e doenças que podem enfraquecer o seu cabelo.


...............................................................................................................................................................................................................................................................................................


5. Vitamina B3 (Niacina)

O peixe fornece vitamina B3 ao seu corpo. Essa vitamina ajuda a aumentar a circulação no couro cabeludo, ajudando na entrega dos nutrientes. Procure comer peixe no mínimo 3 vezes por semana.


...............................................................................................................................................................................................................................................................................................


6. Vitamina B8 (Biotina)

A biotina é importante para a metabolização de aminoácidos, nomeadamente a queratina. Sendo assim, a alimentos ricos em biotina, como as nozes, grãos integrais, couve-flor e cogumelos podem ajudar no crescimento do cabelo. É importante referir que a biotina é uma vitamina solúvel em água, pelo que, quanto em contacto com métodos de confeção que incluam água, pode ser destruída e não abdorvida pelo organismo.
 

...............................................................................................................................................................................................................................................................................................


7. Vitamina C

O morango, o kiwi, a laranja, o limão, bem como outras frutas cítricas, são ricas em vitamina C, essencial na produção de colagénio, fundamental no desenvolvimento dos folículos capilares, ajudando ainda na fragmentação do ferro.


...............................................................................................................................................................................................................................................................................................


8. Zinco

A linhaça, a aveia, a quinoa, as sementes de abóbora, o amendoim, a amêndoa e o feijão branco, entre outros grãos integrais, são fontes de zinco. Este estimula a multiplicação das células, ajudando ao crescimento e ao fortalecimento dos cabelos. 


...............................................................................................................................................................................................................................................................................................

De modo a conseguir fortalecer o seu cabelo, deve ingerir estes alimentos diariamente. Caso as diferenças não sejam notórias, poderá complementar a sua alimentação com um suplemento para o fortalecimento do seu cabelo. No entanto, não se esqueça de se aconselhar com o seu dermatologista e nutricionista sobre o melhor tratamento para si.



Veja também: