Os 12 alimentos com mais pesticidas: tenha atenção na hora de escolher

A lista dos alimentos com mais pesticidas é renovada todos os anos e engloba frutas na sua maioria. Fique atento e surpreenda-se!

Os 12 alimentos com mais pesticidas: tenha atenção na hora de escolher
Vai ficar surpreendido com a lista.

Muitos alimentos estão sujeitos a pesticidas e contaminantes. Mas sabe quais são os alimentos com mais pesticidas que normalmente ingerimos sem pensar nas possíveis consequências?

Hoje em dia a presença de pesticidas nos alimentos, particularmente em hortícolas e frutas, é bastante comum e por isso é motivo de estudo por parte de diversas entidades que se dedicam à Segurança Alimentar, como é o caso da Autoridade Europeia para a Segurança Alimentar (EFSA), por exemplo.

Pesticidas: que consequências para a saúde e meio ambiente?


alimentos com mais pesticidas e consequencias para a saude

Os pesticidas são geralmente usados para acabar com pragas ou doenças que atingem as mais diversas culturas agrícolas. Também podem ser utilizados para combater as ervas daninhas, fungos ou insetos.

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), os pesticidas são potencialmente tóxicos para os seres humanos. Podem ter efeitos negativos sobre a reprodução, sistemas imunológico ou nervoso, e pode causar doenças como diabetes, depressão, alergias respiratórias, cancro e problemas na tiróide.

Os resíduos de pesticidas podem permanecer na fruta e nos legumes mesmo depois de serem lavados. No entanto, à partida, encontram-se em níveis abaixo das tolerâncias estabelecidas pelas entidades competentes, seja nos EUA ou na Europa.

Mas não é só na saúde que se reflete o uso destas substâncias. Também o meio ambiente sofre com a utilização excessiva de pesticidas, o que causa um desequilíbrio ambiental.

Os pesticidas são um dos principais fatores de contaminação de rios e de água subterrânea. E, estando a água poluída, apresenta problemas para a flora e fauna aquática, sendo que há alguns peixes que armazenam essas substâncias, transmitido posteriormente às pessoas que os ingerem, podendo sofrer alguma intoxicação pela ingestão.

Lista dos alimentos com mais pesticidas


uvas de duas qualidades

Foi através do último relatório realizado pela Environmental Working Group, um organismo de regulamentação nos Estados Unidos da América, em 2017 que se conseguiu perceber quais são os alimentos que ocupam os lugares de topo numa lista que engloba maioritariamente frutas.

Confira abaixo os 12 alimentos com mais pesticidas encontrados no estudo realizado este ano:

A pergunta que aqui se poderá colocar é: por que é que estes alimentos possuem mais pesticidas que outros? A resposta está relacionada com a presença de uma barreira (pele ou casca) mais forte nos outros alimentos, isto é, se falarmos no ananás percebemos que a sua parte externa é mais grossa e forte e por isso não vão existir tantos contaminantes na polpa.

Por outro lado, os morangos, as uvas ou até mesmo o tomate e o pimento, possuem uma parte exterior mais fina e frágil e que, por norma, é ingerida na totalidade.

Formas de evitar os malefícios dos pesticidas nos alimentos


lavar frutas e legumes

A principal forma de evitar a contaminação através de hortícolas e frutas, será recorrer a alimentos provenientes de agricultura biológica.

Mas existem outras alternativas para se ver livre de grande parte dos pesticidas nos alimentos.

  • É fundamental que os alimentos sejam bem lavados com recurso a água corrente durante, pelo menos 1 minuto. Pode ser utilizada uma esponja.
  • Os alimentos devem ser descascados, no caso de terem casca, pois essa é a zona que possui maiores quantidades de pesticidas.
  • As folhas da parte externa dos legumes devem ser retiradas, pois nessas partes também se concentra grande parte dos pesticidas existentes no alimento.
  • Diversificar os tipos de vegetais consumidos no dia-a-dia é uma boa solução, uma vez que isso irá reduzir a ingestão de quantidades maiores de uma mesma substância.
  • Preferir frutas e legumes mais verdes e esperar alguns dias para os consumir, visto que alguns pesticidas podem ser utilizados na fase final da maturação do alimento.

Veja também: